Cláudio Martins

"Um Moleskine é coisa muito íntima. E o papel deve ser abundante e de boa qualidade"

— MOLESKINE

Juiz de Fora. Estudou Desenho Industrial e durante muitos anos trabalhou em projetos de tecnologia, meio ambiente e cultura, além de rodar por jornais e revistas. Mas por achar o mundo dos adultos muito sem graça, imaginação e fantasia, resolveu um dia cair de sola, cara e coração na literatura infantil. Autor de 40 livros para crianças, ilustrador de outras 300 histórias e mais de mil capas de livros de várias editoras. Ganhou prêmios internacionais, nacionais e até alguns municipais, entre eles o Octogone/França (1990), Jabuti (1991 e 1992), Associação Paulista de Críticos de Arte – APCA (1992), autor revelação e melhor livro para crianças (FNLIJ) e Adolfo Aizem de Ilustração, pela UBE (1993,1994 e 2004). Integrou a lista de honra do International Board on Books for Young Peoples/IBBY/Suíça (1990) e tem participado de feiras nacionais e internacionais de livros, como na Catalunha, Frankfurt, Bolonha, Gotemburgo, Quito e Bratislava.

Site: http://www.claudiomartins.com.br

Oferece: participação em debates e encontros com estudantes.

Crédito da foto: Branca de Castro