Desejo

Dagmar Braga –

fosse tua essa mão
tecendo o véu da noite

fosse tua essa voz
a urdir manhãs de maio

fosse teu esse cheiro
de chuva temporã

a vida espetalava de felicidade

 

Do livro: Geometria da Paixão (Anome Livros)

 

Compartilhar este!

Assine nosso feed RSS. Tweet isso! StumbleUpon Reddit Digg isso! Bookmark on Delicious Compartilhe no Facebook

Deixe uma resposta

*

*

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *